Grama sintética: como instalar no seu jardim - R. Bassani Drywall
  +55 (41) 3377-1500

Grama sintética: como instalar no seu jardim


Grama-Sintetica

A grama sintética é uma tendência e está sendo muito utilizada no mercado, possibilita até mesmo a instalação por conta própria. A grama sintética pode ser instalada em superfícies sólidas, pisos frios ou cimento e é ótima solução para ambientes de uso frequente, oferecendo praticidade com relação aos procedimentos de manutenção. Apresenta, ainda, diversas possibilidades para uso decorativo e variadas cores. Confira, no artigo de hoje, as vantagens da utilização de gramas sintéticas em projetos de áreas externas e como sua instalação é realizada. Acompanhe:

Vantagens da grama sintética

  • Frequência de uso

A grama sintética é mais resistente ao uso do que a grama natural, podendo ser utilizada com mais frequência. Assim, é ideal para ambientes de uso recreativo, como playgrounds e centros esportivos. A durabilidade do material pode variar entre 24 e 48 meses, dependendo de sua utilização.

  • Manutenção

A manutenção da grama sintética é mais simples e menos frequente do que a da grama natural. A grama sintética pode ser higienizada com água e sabão neutro ou até mesmo aspirada e varrida. É uma solução prática para casas de veraneio, evitando a constante necessidade de manutenção da grama natural.

  • Versatilidade de uso

A grama sintética pode ser utilizada nos mais diversos tipos de projetos de áreas externas: áreas de piscinas, terraços e ambientes com animais. Além disto, pode também ser fixada diretamente sobre o solo por meio de ganchos metálicos.

  • Ambientes hostis

Para ambientes hostis à grama natural, como por exemplo locais áridos ou que recebem pouca insolação, a grama sintética é a melhor solução para projetos de paisagismo.

Passo a passo para instalação da grama sintética

1. Preparo do terreno

Para aplicação da grama sintética colada, o terreno deve ser previamente limpo, removendo-se ervas e plantas e utilizando-se um ancinho para a retirada de pedras, galhos e demais resíduos. É aplicada primeiramente uma camada de cascalho e areia no chão, que contribui para a drenagem do terreno quando instalada a grama. Ao fim do preparo do terreno, deve ser utilizado um rolo nivelador, que irá preparar a superfície para a instalação.

2. Cobertura com grama sintética

A grama sintética é disponibilizada em rolos de 2m ou 3m de largura, que devem ser estendidos sobre a superfície com cuidado para evitar dobras e rugas. Para evitar erros na instalação, não realize cortes na superfície sintética antes de sua instalação. Os excessos devem ser cortados, após a grama ser estendida no terreno.

3. Colagem

A colagem é realizada com uma cola especial à base de poliuretano, depois de verificar se a superfície está perfeitamente coberta. A boa qualidade da cola garante a durabilidade da colagem do gramado, e evita que ela descole com o passar do tempo. Após aplicar a cola, espere aproximadamente 30 segundos para garantir o contato necessário para unir as partes. Para utilização temporária, recomenda-se a utilização de fita dupla-face, que facilita sua remoção.

4. Alisamento

Após a colagem, a superfície de grama sintética deve ser alisada de forma a recuperar a densidade dos pelos e garantir o aspecto idêntico ao da grama natural.

A R.Bassani é uma empresa especializada em construções secas, que atua na venda e distribuição de produtos e na realização de projetos e execução de obras. Conheça os produtos da R. Bassani e nosso o portfólio de obras!

Gostou do artigo de hoje? Dúvida ou comentário sobre o uso e instalação da grama sintética? Deixe o seu comentário aqui ou entre em contato conosco!


Categorias: Decoração, Gramados Sintéticos, Pisos