4 dicas para pintar gesso acartonado - R. Bassani Drywall
  +55 (41) 3377-1500

4 dicas para pintar gesso acartonado


Pintar-gesso-acartonado

O Drywall é um sistema construtivo composto por uma estrutura em aço galvanizado onde são fixadas chapas de gesso acartonado, que pode ser utilizado em forros, paredes e revestimentos. As chapas de gesso acartonado oferecem como vantagem uma superfície plana, lisa e monolítica, ideal para pintura. Em relação aos sistemas construtivos tradicionais, o sistema Drywall requer alguns cuidados na preparação para pintura para garantir a qualidade de acabamento. Confira, neste artigo, quatro dicas para pintar o gesso acartonado:

1. Verificação da superfície

A preparação da superfície a ser pintada é fundamental para a obtenção de um acabamento durável e de qualidade. Apesar de apresentar superfície lisa e nivelada, a superfície do gesso acartonado pode apresentar diferenças em relação à cor, textura e absorção e, principalmente, nas regiões das juntas entre as chapas e cabeças de parafusos que recebem massa para regularização. Após a secagem completa da massa, estas áreas devem ser lixadas para eliminar rebarbas, ressaltos ou ondulações em relação à superfície da chapa. Assim, recomenda-se a utilização de lixas de grana 150 ou 180 e a utilização de uma base para que a superfície tratada se mantenha plana.

2. Preparação para a pintura

Após a eliminação das saliências nas áreas de juntas entre chapas e cabeças de parafusos, deve ser realizado o emassamento da superfície com massa corrida à base de PVA em toda sua extensão. É importante que a massa cubra qualquer ondulação restante tendo como objetivo igualar a superfície do cartão e das massas e uniformizar texturas e cores. Após a secagem completa, deve ser realizada uma nova aplicação para a correção de eventuais defeitos. É importante lembrar que a cada novo emassamento da superfície deve ser realizado um novo lixamento.

3. Pintura de superfícies Drywall

Após a secagem completa da camada de emassamento, a superfície se encontra pronta para receber a pintura. A superfície Drywall pode receber qualquer tipo de tinta que atenda às especificações da norma ABNT NBR 15079 – Tintas para a construção civil – Especificação dos requisitos mínimos de desempenho de tintas para edificações não industriais – Tintas látex nas cores claras. As tintas em cores escuras seguem as mesmas especificações desta norma, quando aplicadas em partes internas da construção, ou seja, protegidas de intempéries.

4. Qualidade de acabamento

A qualidade para pintura apresenta três níveis: mínimo, intermediário e superior. O nível mínimo costuma ser utilizado em locais onde é desejado um bom acabamento com baixo custo e não exige a aplicação de massa niveladora em 100% da superfície. O nível intermediário, utilizado em ambientes residenciais e comerciais de médio padrão, também não exige a aplicação de massa na totalidade da superfície. Por fim, o nível superior, indicado para ambientes de alto padrão, requer a aplicação de massa na superfície como um todo e o lixamento para garantir a excelência na qualidade do acabamento.

E você, já conhecia o procedimento para a pintura de superfícies Drywall? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários!

 


Categorias: Acabamento, Drywall